Sesi Bonecos do Mundo volta ao Pará para celebrar seus 10 anos

As apresentações na Praça Amazonas, bairro do Jurunas, acontecem no próximo final de semana, a partir das 16h30
 
Boneco Popular.
Foto: Ascom Fiepa/Divulgação
Ao completar 10 anos, o maior festival de Teatro de Bonecos do país volta ao Pará, onde realiza 40 apresentações nacionais e internacionais gratuitas, reunindo sete países e oito estados brasileiros. A 11ª edição do Sesi Bonecos do Mundo vai emocionar, de 3 a 9 de novembro, plateias de todas as idades com 24 espetáculos inéditos, encenados por 11 companhias de países como Peru, Espanha, Holanda, Rússia e Hungria, além do Brasil. As apresentações são gratuitas.
 
As apresentações são gratuitas e acontecem no Teatro Maria Sylvia Nunes, nesta segunda (3), terça (4) e quarta-feira (5), em duas sessões: 19h e 21h, e na Praça Amazonas, situada no entorno do Espaço São José Liberto/Polo Joalheiro do Pará, no sábado (8) e no domingo (9), a partir das 16h30. O projeto é patrocinado pelo Serviço Social da Indústria (Sesi).
 
Para as apresentações no Maria Sylvia Nunes os interessados precisam retirar os ingressos na portaria do teatro, a partir das 12h. Mas quem não puder ir ao teatro, poderá acompanhar tudo durante o final de semana, na Praça Amazonas. No local, o público contará com uma superestrutura de três palcos, som e luz, além de dois telões de alta definição para que tudo possa ser acompanhado nos mínimos detalhes. 
 
O festival estreia com o espetáculo “Pequenos Contos”, no Teatro Maria Sylvia Nunes, na Estação das Docas, em Belém. Os ingressos deverão ser retirados no dia da apresentação, a partir das 12h, no próprio teatro.
 
Idealizado pela diretora de criação Lina Rosa Vieira, que também é curadora do festival, o Sesi Bonecos teve início em 2004 e, ao longo de sua trajetória, já percorreu os 26 estados brasileiros e o Distrito Federal, totalizando um público de mais de 2 milhões de espectadores. Esta será a terceira vez que o Sesi Bonecos vem a Belém, que já recebeu o projeto em 2007 e em 2010. Juntas, as duas edições somaram 113 mil espectadores.
 
Além de serem gratuitos, os espetáculos vão contar com audiodescrição e tradução simultânea em libras. A programação completa, fotos, vídeos e outras informações podem ser conferidas no site www.sesibonecos.com.br.
 
Além dos três palcos, os espetáculos acontecem também no chão e nas barracas dos Mestres tradicionais mamulengueiros. Na programação, peças tradicionais e radicalmente contemporâneas como o espetáculo de dança com marionetes da companhia Pequod do Rio de Janeiro, que apresenta cinco coreografias de cinco coreógrafos distintos com marionetes.
 
No Sesi Bonecos, o intercâmbio de linguagens vai além da variação das técnicas, dialogando com o cinema, a fotografia, a literatura e a música, uma vez que todas estarão contempladas na Praça. A performance de abertura com as Torres Gigantes do Giramundo, Marionetas Gigantes e os Cabeçudos de Belém do Pará fazem parte de uma intervenção cenográfica inusitada e magnética.
 
"A ocupação do espaço público pelo público, para vivenciar o mistério simbólico e metafórico do boneco, explorado em suas mais diversas possibilidades, é um legítimo espetáculo de democracia cultural e de estímulo ao lúdico e à inteligência", diz Lina Rosa.
 

Círculo das Baleias: Cia Pia Fraus (SP).
Foto: Ascom Fiepa/Divulgação

Destaques - Um dos destaques curiosos da programação é a companhia Electric Circus. O grupo se apresentará na Praça Amazonas, nos dias 8 e 9, com o espetáculo Mono, o Macaco. Na montagem, Mono aparece extremamente convincente, levando o público a achar que se trata de um macaco de verdade, que virou artista de circo por não ter mais espaço na floresta amazônica tão devastada. Um dos artistas atua como chefe de Mono, e o outro opera Mono despercebido em meio ao público por meio de um controle remoto discreto. Electric Circus é uma colaboração entre o inventor Fred Abéis e o marionetista Mirjam Langemeijer, que cria robôs memoráveis ??e não convencionais e utiliza-os em suas performances de rua.
 
Entre os grupos nacionais, o mineiro Giramundo traz uma nova e grandiosa visão para o clássico “Aventuras de Alice no País das Maravilhas”, que será apresentado na quarta-feira (5//11). A montagem conta 55 bonecos que dividem o palco com um ator humano, algo raro nas produções do grupo. A montagem promove diálogo entre o teatro de bonecos com as artes plásticas, música e cinema. A trilha sonora é de John Ulhoa. Fernanda Takai e Arnaldo Baptista emprestam suas vozes para Alice e para o Chapeleiro Maluco.
 
A parceria de Fernanda e John com o Giramundo também poderá ser conferida no palco principal, no sábado. Líderes da banda Pato Fu, eles mostram o premiado show Musica de Brinquedo, que tem a participação dos bonecos do grupo mineiro.
 
Oficinas – O Sesi Bonecos do Mundo também tem na sua programação três oficinas gratuitas para profissionais, com 20 vagas cada, todas na praça Justo Chermont, 236, em Nazaré. São elas: Bonecos Quadro a Quadro, que será ministrada pelos professores Enzo Giaquinio, Guilherme Pam e Ulisses Tavares, com inscrições abertas de 20 de outubro a 7 de novembro; Confecção, Composição Cênica e Dramaturgia de Animação, realizada por Marcos Ribas; e Drama com corpo, desenvolvida por Hugo Suarez e InesPasic, ambas, com inscrições de 3 a 7 de novembro. As inscrições podem ser feitas pelo e-mail mquintairos@sesipa.org.br. Todas as oficinas terão carga horária de 20h, com exceção da Bonecos Quadro a Quadro, que terá 40h.
 
Companhias - Participam do Sesi Bonecos do Mundo em Belém, as companhias Hugo e Ines(Peru), LaSal (Espanha), Giramundo (Brasil/MG), Cabeçudos (Brasil/PA), Electric Circus (Holanda), Mosaico Cultural (Brasil/RS), Viktor Antonov (Rússia), Mikropódium (Hungria), Pia Fraus (Brasil/SP), Artesanal Cia. de Teatro (Brasil/RJ), Pequod (Brasil/RJ) e Caixa do Elefante (Brasil/RS). Durante o festival, também funcionará um ateliê, onde os mestres mamulengueiros se apresentarão e ensinarão como fazer bonecos. Os mestres convidados são Chico Simões (DF), Waldek de Garanhuns (PE), Zé de Vina (PE), Zé Lopes (PE), Josivan (RN).
 
Após a maratona teatral em Belém (PA), o Sesi Bonecos do Mundo seguirá para São Luís (MA) e Teresina (PI), totalizando 102 apresentações teatrais, envolvendo 9 países e 10 estados brasileiros.
 
Fonte: Ascom Sistema Fiepa (Sesi-PA)
 
Ascom/Igama


PESQUISAR

Exposição

NEWSLETTER

Parceiros

Espaço São José Liberto - Praça Amazonas, s/n, Jurunas, Belém-Pará-Brasil. Fone: (91) 3344-3500 e (91) 3344-3514.
Horário de visitação: terça a sábado, de 09 às 18:30h; domingos e feriados, de 10h às 18h.