São José Liberto recebe turistas franceses

 
Turistas franceses durante visitação ao ESJL.
Foto: Igama/Divulgação
Cerca de 50 turistas franceses visitaram o Espaço São José Liberto (ESJL) no último final de semana. A visitação fez parte do receptivo aos turistas da França, organizado pela gerência de captação de eventos da Companhia Paraense de Turismo (Paratur), que recebe os cruzeiros internacionais desde o desembarque, onde são recepcionados com danças típicas paraenses e cheiro do Pará. 
 
Belém está incluída na rota internacional dos cruzeiros e a equipe de marketing da Paratur organizou um receptivo especial para os cerca de 100 passageiros do navio MS Austral, que passaram por Belém no último sábado, 29. O cruzeiro veio da França, país europeu responsável pela emissão de cerca de 300 mil turistas ao Brasil em 2011, e mais de 218 mil em 2012, estando entre os que mais enviam turistas internacionais ao Pará.
 
A Paratur está nos ajudando com a visitação aos pontos turísticos, enviando ofícios para nos informar”, comentou Yani Barbier, gerente da Amazon Star Turismo, agência de viagens que organizou a o receptivo do grupo, envolvendo ônibus, micro-ônibus e guias que falam inglês, francês e outros idiomas, para atender turistas de outras nacionalidades que integram o cruzeiro. 
 
Cada vez mais está melhorando a visitação de turistas em Belém. Eles gostam muito daqui”, acrescentou Yani, citando que, antes do ESJL, foram visitados o Teatro da Paz, Museu do Forte e Mangal das Garças. 
 
Lefrant e Edilson Assunção.
Foto: Igama/Divulgação
No Espaço São José Liberto, o grupo começou a visitação pela capela, onde conheceu mais sobre a história do prédio centenário, através da explicação detalhada de Edilson Assunção, um dos guias de Turismo responsáveis pelo grupo. 
 
Em seguida, os franceses visitaram o Museu de Gemas do Pará, vinculado ao Sistema Integrado de Museus (SIM), da Secretaria de Estado de Cultura (Secult), que reúne mais de quatro mil peças em seu acervo, em um dos mais completos acervos arqueológico e gemológico do Brasil, com cerâmicas, rochas, gemas e joias da região, expondo as primeiras coleções de joias desenvolvidas por profissionais vinculados ao Programa Polo Joalheiro do Pará. 
 
O grupo de turistas também conheceu o Jardim da Liberdade, a Casa do Artesão, o anfiteatro do Coliseu das Artes e algumas lojas de joias e gemas do complexo. A enfermeira aposentada Lefrant elogiou o espaço e destacou o seu valor cultural e histórico, observando que não conhecia lugar similar nos locais que visitou na Europa. Ela ressaltou, ainda, a revitalização do prédio centenário, considerado referência cultural, turística, comercial e de patrimônio arquitetônico em Belém.
 
Lefrant contou, ainda, que conheceu outros locais do Sul e Sudeste do Brasil, mas que os locais da Região Norte, na sua opinião, têm mais “personalidade” e deixam o turista mais a vontade. “Aqui nós nos fazemos turistas. Lá eles nos fazem turistas”, brincou a enfermeira aposentada. 
 
Depois de ser totalmente restaurado, em 2002, o Espaço São José Liberto foi inaugurado, depois de ser desativado no final dos anos 90 – antes disso, o local abrigou convento, olaria, quartel, depósito de pólvora, hospital, cadeia pública e presídio. 
 
O receptivo da Paratur contou com a parceria da Coordenadoria Municipal de Turismo (Belemtur) e envolveu a distribuição de mapas e sachês de ervas aromáticas do Pará. De Belém, dos passageiros o cruzeiro seguem para Santarém, na região turística do Tapajós.
 
Antes de Belém, o principal destino na Amazônia Brasileira, em sua rota anual, o MS Austral já passou pelo sul do Brasil, além de Recife, (PE), Fortaleza (CE), São Luiz (MA) e agora chega a Belém.
 
A rota dos visitantes na capital paraense também incluiu o Complexo do Ver-o-Peso, o Museu Paraense Emílio Goeldi, Basílica Santuário de Nazaré e Estação das Docas. Também no roteiro de visitação e compras dos turistas passeios fluviais em torno das ilhas, furos e igarapés de Belém.
 
Grupo de turistas admira cerâmicas na Casa do Artesão.
Foto: Igama/Divulgação
Agenda - A temporada 2013/2014 de cruzeiros atrai ao Pará, especialmente às regiões turísticas de Belém e Tapajós (Santarém e Alter-do-Chão), pontos de parada preferidos de turistas vindos das mais diversas partes do mundo, visitantes da Inglaterra, Estados Unidos, França, Alemanha e Japão.
 
O gasto médio de cada turista estimado pela Companhia Paraense de Turismo (Paratur) é de R$ 304,80. Considerando que o Pará vai receber cerca de 17.400 visitantes em 32 navios que passam pela capital e por Santarém, a renda com o segmento deve ultrapassar R$ 5,3 milhões.
 
Além do francês “MS Austral”, a temporada, que teve início no mês de outubro, já trouxe ao Pará o navio francês “MS Club Med 2”, o inglês “Silver Spirit”, o americano “Maasdam”, o “Prinsedam” e o “Minerva”, dos Estados Unidos. A visitação ao Espaço São José Liberto esteve incluída no roteiro de todos, com exceção do “Minerva”. 
 
O cruzeiro alemão “Bremen” tem data marcada para o dia 7 de abril. O final desta temporada de cruzeiros contará, ainda, com dois navios que já visitaram a capital e outros seis previstos. Considerando os que já passaram por Belém, como os navios “Costa Romantica”, “Crystal Harmony”, “MS Albatros”, com destaque para o cruzeiro “Silver Cloud”, que fez duas passagens, o encerramento da temporada está previsto para agosto deste ano.
 
O último cruzeiro da temporada previsto para aportar em Belém é o navio japonês “Peace Boat”, agendado pra os dias 15, 16 e 17 de agosto.
 
Texto: Ascom /Igama – com informações de Benigna Soares - GEC Paratur
 
Ascom/Igama


PESQUISAR

Exposição

NEWSLETTER

Parceiros

Espaço São José Liberto - Praça Amazonas, s/n, Jurunas, Belém-Pará-Brasil. Fone: (91) 3344-3500 e (91) 3344-3514.
Horário de visitação: terça a sábado, de 09 às 18:30h; domingos e feriados, de 10h às 18h.